educação

Seis dicas para superar obstáculos no aprendizado

Aprenda e otimize sua aprendizagem com técnicas simples e comprovadas

Muitos alunos perguntam-me o que é preciso para aprender de forma efetiva. 

No intuito de introduzi-los ao tema, compartilho o conhecimento que obtive ao realizar os cursos “Learn to learning” e “Mudança de mente: Transforme sua mente para superar obstáculos no aprendizado e descobrir seu potencial oculto” ministrados pela professora Dra. Barbara Oakley (McMaster University) e pelo Professor de Enganharia da Oakland University Dr. Terrence Sejnowski.

Alguns truques úteis:

#Dica 1: Técnica de Pomodoro 

O método de gerenciamento de tempo desenvolvido por Francesco Cirillo no final dos anos 1980. A técnica consiste na utilização de um cronômetro para dividir o trabalho em períodos de 25 minutos, separados por breves intervalos. A técnica deriva seu nome da palavra italiana pomodoro (tomate), como referência ao popular cronômetro gastronômico na forma dessa fruta. O método é baseado na ideia de que pausas frequentes podem aumentar a agilidade mental.

Imagem disponível em <https://www.siteware.com.br/produtividade/tecnica-pomodoro/> Acesso 15.jun.2020

A técnica nos ajuda a focar no que queremos alcançar. Aumenta sua expectativa de sucesso, o valor da tarefa que você executa e elimina as distrações. É muito importante melhorar a capacidade de foco. 

Mas, surpreendentemente, nem sempre é do nosso interesse manter o foco no aprendizado. De fato, boa parte do processo de aprendizado requer descanso após sessões intensas de concentração para permitir que o modo difuso do cérebro consolide o aprendizado do que você está tentando aprender.

Podemos preparar nossos cérebros para o tipo de desenvolvimento que queremos em nossas vidas com a forma adequada de meditação. 

A meditação que apoia a atenção sustentada melhora a capacidade de concentração e pode acalmar nosso cérebro. Aquele que favorece o monitoramento aberto melhora nossa capacidade criativa.

#Dica 2: Memorização

 A aquisição do nível de especialista em algum assunto requer não apenas a compreensão do conceito, envolve prática e repetição e, sim, até alguma memorização também. Você quer se sentir confortável com os principais conceitos, a ponto de não ter que ponderar sobre eles, mas simplesmente usá-los. 

Para adquirir essa compactação, você precisa construir blocos neurais, isto é, redes neurais bem conectadas poderá usar automaticamente quando precisar delas, como se fosse um procedimento de computador. Este método de aprendizagem pode levar a resultados extraordinários. 

Dica 3: Procrastinação

A procrastinação pode ser produtiva se você a usar para sintetizar as informações que você está coletando ou já coletou. Mas não se iluda pensando que a procrastinação é a única coisa que você precisa quando tenta aprenda algo novo, especialmente se for difícil. 

Novos conhecimentos requerem novas conexões neurais e isso leva tempo.

#Dica 4: Não aprenda só com um estilo preferido

Usar apenas o estilo de aprendizado de sua preferência é uma má ideia. Tente aprender através de vários métodos: 

  • Com os olhos;
  • Com ouvidos;
  • Com as mão;
  • Através da sua imaginação usando metáforas. 

#Dica 5: Não tente aprender muito de uma só vez

Também é uma boa ideia usar o bom senso na aprendizagem: não tente aprender muito de uma só vez ou isso impedirá que você aproveite o processo de aprendizagem. Uma maneira de tornar o aprendizado, ou qualquer outra coisa, mais divertido é passando algum tempo com colegas que pensam da mesma forma que estarão lá para ajudá-lo e apoiá-lo. 

#Dica 6: Utilizando truques mentais

Os truques mentais podem ser muito úteis para nos ajudar a redirecionar nossos pensamentos e, assim, ser capaz de minimizar o estresse e reduzir os efeitos negativos, não apenas em nossa saúde mental, mas também física. 

Categorizar nossos sentimentos é um dos mais eficazes truques mentais que podem ser usados ​​quando somos afetados emocionalmente. De muitas maneiras, nossas mentes podem distorcer a realidade do que está acontecendo; repensá-la e adotar uma abordagem mais positiva do que está estressando você não é apenas um truque mental já que isso extingue as emoções negativas que surgem das lutas do centro da amígdala cerebral. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: